Sábado, 21 de Outubro de 2017

Logo
Logo
Quinta-Feira, 12 de Outubro de 2017
POR: Equipe Valle
Gerente comercial é preso suspeito de abusar de menino de 12 anos, em Goiás
Policia

Um gerente comercial foi preso suspeito de abusar de um menino de 12 anos, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Ele era amigo dos pais da vítima e, segundo a Polícia Civil, usava a própria filha para se aproximar da vítima e praticar o crime.

 

O suspeito, preso na quarta-feira (11), é casado e tem uma filha. “Ele se usava da proximidade entre as famílias e até chamava a vítima para dormir na casa dele com o pretexto de deixar as crianças brincarem. Porém, quando todos dormiam, ele abusava do garoto”, relatou o delegado Maurício Passerini.

 

Os abusos começaram em agosto e aconteceram em quatro ocasiões diferentes. Não houve relação sexual, mas o suspeito beijava e acariciava as partes íntimas do menino. As investigações duraram aproximadamente dois meses e só começaram após a vítima contar à mãe sobre o crime.

“Quando ele foi preso, disse que conhecia a criança, mas que não tinha abusado dela. Quando falamos que ele seria preso, ficou completamente frio, inerte”, afirmou o delegado.

 

Agora a polícia investiga se ele abusou de outros menores. Depois de sua prisão, outras duas famílias procurara a polícia para fazer denúncias contra o suspeito. Esses casos ainda serão investigados pelo delegado. O gerente comercial segue preso em Luziânia e vai responder por estupro de vulnerável.