Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Logo
Logo
Quinta-Feira, 21 de Setembro de 2017
POR: Equipe Valle
Policial militar mata jovem após marcar encontro se passando por sua própria namorada em um aplicativo de mensagens
Policia

O atleta Matheus Garcia Vasconcelos Alves, de 24 anos, foi morto pelo policial militar Jarbas Colferai Neto, de 23, em uma emboscada em São Vicente, no litoral de São Paulo.

 

Segundo a investigação, o policial atraiu o jovem para o local ao se passar por sua própria namorada e marcar um encontro com o atleta. O PM tinha ciúmes de sua namorada, que matinha contato com Matheus, vítima. Câmeras de monitoramento gravaram o crime.

 

Matheus morreu após levar um tiro na nuca, na noite da última segunda-feira, 18. Ele foi encontrado ainda com vida na Rua Nicolau Guirão Perez, no Centro da cidade, mas morreu a caminho do Hospital Municipal. Na mão do jovem havia um carregador de celular, mas o aparelho não foi encontrado pela polícia.

 

Imagens de câmeras de segurança mostram Matheus chegando ao local em um carro pedido por aplicativo. Após deixar o veículo, o soldado aborda Matheus, arranca o celular de sua mão, o faz virar de costas, colocar as mãos na cabeça, ajoelhar e, em seguida, atira em sua nuca.

 

Segundo a polícia, Matheus acreditava ter marcado um encontro com a namorada do soldado. O policial teria se passado pela jovem durante uma conversa que ambos mantinham em um aplicativo de mensagens.

 

A vítima achou que iria ver a garota em uma rua onde não há intenso fluxo de pessoas, que poderiam flagrá-los. Para a polícia, o atleta foi vítima de emboscada.

 

Ainda conforme a polícia, Jarbas é formado pelo Curso Superior de Soldados em 2016 e está lotado no 39º Batalhão da Polícia Militar, em São Vicente, “porém, não exercia atividades operacionais, estando apenas com atribuições do serviço administrativo, por responder a Processo Administrativo Exoneratório, desde o final do ano passado”.

 

A Justiça determinou a prisão temporária (com duração de cinco dias) do soldado, e ele foi transferido, na noite de terça-feira,19, ao Presídio Romão Gomes, na capital paulista.